Saiba o que fazer para prevenir a obesidade mórbida infantil

03 de junho de 2021 - 14:24

Combater a obesidade mórbida infantil é um dos principais desafios do século XXI, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Provocada por diversos fatores desde sedentarismo e alimentação inadequada a aspectos genéticos, essa doença afeta hoje milhares de crianças em todo o mundo.

Por isso, todo dia 03 de junho o Dia da Conscientização Contra a Obesidade Mórbida Infantil, nos convida a refletir sobre esse tema, uma data de suma importância, especialmente para o Brasil. Afinal, há mais de 30 anos o país passa por uma Transição Nutricional, ou seja, uma mudança de problemas nutricionais onde, ao invés de pessoas desnutridas, temos agora um número grande de pessoas com excesso de peso.

Não à toa, duas a cada 10 crianças do Brasil estão com obesidade e mais de 59% dos adultos estão acima do peso recomendado. Não só a doença afeta o dia a dia, como ela também desencadeia uma série de reações e problemas secundários que podem diminuir a expectativa de vida caso não sejam tratados e/ou contornados.

Como de praxe o melhor tratamento é a prevenção. Por isso é muito importante levar as crianças ao pediatra regularmente para check-ups de rotina, e seguir as orientações médicas quanto ao desmame e a inserção de comidas sólidas na rotina alimentar.

Além da prevenção, existem outras formas de trazer mais conscientização sobre a alimentação e seus efeitos no corpo. Com mais tempo em casa, você pode inserir as crianças no cotidiano da cozinha, por exemplo, o que as ajuda a se relacionarem com o que estão comendo e a entenderem os benefícios dos alimentos.

Outra forma de proporcionar uma maior qualidade de vida não só às crianças, como para toda a família é substituir alimentos pouco nutritivos e de fast-foods por mais vegetais, legumes, frutas e líquidos ricos em nutrientes naturais.

Atrelado a isso, aliar uma boa alimentação a exercícios físicos regulares podem ter um grande impacto na diminuição dos riscos de um quadro como o da obesidade mórbida. Para quem está com dificuldade de encontrar atividades para as crianças por conta da pandemia, a internet está repleta de opções.

Mas a obesidade mórbida pode ser causada também por fatores hereditários e psicológicos, o que deve ser acompanhado de perto por profissionais especializados. Um dos enfoques do tratamento é a reeducação alimentar e mudanças no estilo de vida de toda a família. Afinal, os pais são os exemplos das crianças.

Portanto, opte por alimentos saudáveis e limite o consumo de comidas processadas, bem como as ultraprocessadas. Prefira os produtos orgânicos e com maior valor nutricional, aproveite este tempo em casa e pratique atividades junto ao seu filho(a). E, claro, leve-os regularmente ao pediatra e siga as orientações dos profissionais de saúde.

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no site. Ao utilizar o www.eletrossaude.com.br você estará de acordo com os critérios de monitoramento dos cookies. Para ter mais informações como isso é feito, acesse a Política de Privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.

Todos os direitos reservados © 2016.
Agência Nacional de Saúde Suplementar ANS - N° 31390-4