Maio Roxo: mês de conscientização sobre as doenças inflamatórias intestinais.

Por conta do dia 19 deste mês, data em que se comemora o Dia Mundial da Doença Inflamatória Intestinal (DII), maio ficou conhecido pela cor roxa. A Campanha Maio Roxo tem repercussão mundial e seu principal objetivo é conscientizar a população sobre as DII (Doenças Inflamatórias Intestinais), alertando a todos sobre as formas de prevenção e o modo correto de tratamento. Tudo para promover a melhoria da qualidade de vida dos pacientes.

Uma doença caracterizada pela inflamação dos intestinos afeta  pode acontecer de duas formas: Doença de Crohn ou Retocolite Ulcerativa e prejudica, na maioria dos casos, a transição do intestino delgado para o grosso, porém, a Doença de Crohn pode acontecer em todo o trato gastrointestinal, da boca ao ânus.

Apresenta como principais sintomas:

  • Diarreia;
  • Dor abdominal;
  • Emagrecimento;
  • Presença de sangue e muco nas fezes;
  • e Febre.

Também podem causar sintomas fora do trato gastrointestinal, são as chamadas manifestações extra-intestinais ques ocorrem principalmente nas articulações, promovendo dor, inchaço e calor, mas os pacientes ainda podem apresentar problemas em outros órgãos como pele e olhos, que estão relacionadas com a doença.

Ainda não se sabe a sua causa da doença, mas acredita-se que ela seja resultado de uma interação de fatores ambientais, genéticos e imunológicos. Não é uma doença transmitida por contato, ela ocorre por uma alteração no sistema de defesa e, por isso, é chamada de autoimune - nosso corpo passa a combater ele próprio.

A Doença Inflamatória Intestinal não tem cura, porém existe tratamento para o seu controle e diminuição, com possibilidade de eliminação dos sintomas.

Fonte: abcd.org.br

Todos os direitos reservados © 2016.
Agência Nacional de Saúde Suplementar ANS - N° 31390-4